MERDA NA TIJUCA

Esses investidores de merda, esses escroques capitalistas que não estão nunca satisfeitos com os lucros que auferem, esses mentirosos canalhas que encontram guarida na coluna do jota, esses porcos que criam tentáculos por toda a cidade pisando e cuspindo na história carioca não têm, definitivamente não têm, limite.

Meu querido Fraga, leitor assíduo do Buteco, mandou-me email hoje pela manhã apontado-me a tragédia. Ei-la:

nota publicada no jornal O GLOBO de 11 de janeiro de 2007

Na coluna chamada NEGÓCIOS & CIA a jornalista (risos) Flávia Oliveira faz, hoje, propaganda ostensiva – como seu coleguinha, o jota, empregado do mesmo jornal – de dois bares-de-merda, duas mentiras, duas empresas de franquia: Espelunca Chic e Conversa Fiada.

Sobre a primeira merda, Espelunca Chic, a moça anuncia a inauguração, em Copacabana, da segunda “unidade própria”, menos de seis meses depois da inauguração da primeira unidade, na Gávea (o que comprova que a metástase alastra-se numa velocidade impressionante…), dizendo, ainda, que o sócio-investidor planeja abrir a terceira até julho, em Ipanema ou no Leblon. Assim seja. Inaugurem “unidades próprias” na puta que pariu, mas não na Tijuca, não na zona norte!

Torcida em vão no caso da segunda merda anunciada, Conversa Fiada.

Pausa: dêem uma sacada no site do Conversa Fiada. Vocês nem vão precisar pôr os pés nesse lixo para perceberem o que é evidente. Esse cocô nunca foi nem nunca será o que pretende ser, um buteco. Ou um buteco tem departamento de marketing, departamento de eventos, departamento financeiro, departamento de compras e departamento de recursos humanos????? Está tudo lá, na merda do site do bar-de-merda.

Eu sei que estou com a boca suja demais, hoje, mas a sujeira é proporcional à minha revolta.

O Conversa Fiada inaugurará, em breve, uma filial na Tijuca. Já soube que será na rua Conde de Bonfim, próximo a rua Uruguai. Convoco, daqui, os cariocas máximos que não se conformam com esse espalhar de merda, com esse atropelo desmedido, com essa sede insana pelo espaço do cidadão simples que quer apenas um buteco pé-sujo pra chamar de seu, para uma manifestação, no dia da inauguração do troço, com direito à pajelança, trabalhos fortes, torcida apaixonada, para que dê tudo errado, para que haja uma caveira de burro enterrada sob o piso imundo da filial tijucana capaz de impedir o sucesso, o êxito e o lucro dos investidores forasteiros, mesmo que não estejamos lá, até mesmo porque jamais pisaremos nessa merda.

Não passarão!

Até.

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em botequim, Rio de Janeiro, Tijuca

6 Respostas para “MERDA NA TIJUCA

  1. >Não acredito que o bar-de-merda vem pra Tijuca!.. E estou especialmente puto porquê vai ser “do lado” da minha casa, já que moro a dois passos da esquina da Uruguai com a Conde de Bomfim.Conte comigo pro Bozó contra essa infâmia! Penasamentos negativos desde já!!

  2. >Edu,7 velas bicolores (vermelha e preta); 1 garrafa de pinga; 1 vidro de mel; 1 pedaço de pano, metade vermelho e metade preto; 1 tigela com fígado bovino cortado em cubos e frito no azeite de dendê com cebola e farinha de mandioca; 7 copos, nos quais deverão ser misturados o mel e a pinga; 7 charutinhos finos.Edu, mete isso na frente do bar. É pra Seu Zé Pelintra, Edu. Não falha.

  3. >Capitão-do-mato,A título de curiosidade: sua proposta de trabalho gratuito no folhetim teve resposta do Juarez Becosa?Saravá!

  4. >Fraga: evidentemente que não…

  5. >Tô com Bruno Ribeiro e não abro, Edu! (E certamente, camará, o Simas também estará nessa)!

  6. >Mijarei na porta do restaurante em questão em breve.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s